Todo carnaval tem seu fim.

22 de fevereiro de 2012

         Tenho a impressão de que não preciso escrever o que já te disse antes, sobre você ter mudado muito a minha forma de ver o amor, me fazer acreditar. Mas, é quase como se eu tivesse a obrigação de esclarecer o que um dia eu deixei no ar: “I think I love you” e não vou deixar claro apenas porque justamente agora, enquanto te escrevo, meu player resolveu tocar a mesma música que você tocou pra mim no meu quarto, com meu violão e ela me diz o que já sei “It cannot wait I'm sure, there's no need to complicate, our time is short this is our fate, I'm yours”, eu também tenho certeza e agora eu também queria dizer tudo o que eu não disse quando você terminou de tocar e se possível, fazer o que eu não fiz por vergonha ou medo, não sei. É você, agora eu tenho certeza e não tem medo ou vergonha capazes de me convencer do contrário. Faz um pouco de frio nesse fim de feriado e tudo o que eu pediria se tivesse que fazer um único desejo, é você - ao meu lado - seu abraço sendo além de porto seguro, alento, cobertor. É você porque quando eu olho pro meu mural de fotografia, a primeira coisa que eu consigo ver são os seus olhos, que parecem me olhar também, bem aqui onde estou e dizem, em silêncio: Estou aqui também. E está, se não ao meu lado porque o mapa jura que há alguns quilômetros entre nós, eu insisto, baixinho, que não e se for preciso, decreto: Agora e para sempre, você mora dentro de mim. 












Primeiro de tudo, eu gostaria de me desculpar por ter sumido assim daqui do Pequena! A minha vida tá uma loucura e a tendência é piorar, graças ao bom Deus! Essa semana ainda (amanhã 23/02) eu começo a estudar, então vou chegar em casa e querer dormir! Aos fins de semana, além de descansar eu pretendo amar muito! Então, o tempo será cada vez mais curto, mas eu prometo voltar sempre e sempre pro meu cantinho. Sinto falta! De vocês e dos seus blogs, dos comentários, do carinho e tudo... Meu beijo pra vocês! 

2 Comentários, mas sempre cabe mais um. :):

Debbys disse...

Nossa, realmente, vc deu uma sumida. Tava até com medo de ter dado problema no meu blog e de q eu não estivesse vendo suas atualizações.. hehehehee
Mas acontece.. e voltando a rotina fica ainda pior ne.. mas o blog espera, nós tbm.. xD
eu tô bem, e vc? Já voltei a estudar a um tempo, então, correriaa.. hehehe
gostei muito do post, apesar de triste.. ^^
bjssss

Gabriela Castro disse...

Jô, que saudade daqui e de você. O amor é ainda mais lindo quando vem acompanhado de certezas. Beijos